23 ago 2012

Conhecimento em finanças e estatística destaca economista no mercado

Na ESAGS, ao menos três disciplinas da Graduação em Economia são dedicados a estudos em finanças e 4 de estatística

O mercado financeiro vem se transformando e exigindo profissionais qualificados para compreender indicadores econômicos, financeiros, orçamentos, demonstrativos patrimoniais e os impactos na gestão empresarial. A área de finanças é uma das que mais recrutam jovens economistas. Na Escola Superior de Administração e Gestão (ESAGS) a grade da Graduação em Economia está focada em finanças e estatística, com disciplinas de matemática e administração financeira.

O programa, com duração de quatro anos, apresenta aulas de contabilidade, economia monetária e financeira, econometria, desenvolvimento econômico, economia internacional e do setor público. Além de atividades complementares e trabalho interdisciplinar.

O objetivo é que o aluno compreenda e interprete com propriedade, índices, indicadores, relatórios, pareceres e textos que darão suporte a suas próprias decisões e a de terceiros. “O aluno precisa estar apto a atuar em diversas áreas que a profissão possibilita, como bancos comerciais e de investimento, mercado de capitais, órgãos do Governo e consultorias”, explica o coordenador do curso da ESAGS, prof. Eduardo Becker.

Formação superior dá destaque na carreira - Para ter destaque no mercado de trabalho, a formação acadêmica é fundamental. O curso superior oferece aos futuros profissionais compreensão de questões técnicas e visão sociopolítica relacionada à economia.

O jovem precisa ter domínio para avaliar o funcionamento da economia de mercados específicos, analisar processos de fusões, aquisições de empresas, políticas governamentais setoriais, além de ser capaz de implantar e gerenciar negócios nacionais e internacionais”, complementa. Vale mencionar que o curso da ESAGS tem Certificação de Qualidade da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Deixe seu comentário