21 nov 2013

Cartilha ajuda vendas no Black Friday

Lançada pelo Sebrae, objetivo da cartilha é ensinar o empreendedor a  planejar-se para aumentar a rentabilidade do negócio antes das festas de fim de ano

O Sebrae-SP lançou uma cartilha para ajudar lojistas a aumentarem suas vendas no Black Friday, que neste ano acontece no Brasil no próximo dia 29. Criado pelo varejo norte-americano no início da década de 60 para marcar uma ação de vendas anual antes da temporada de compras do Natal, a versão brasileira do evento chega à sua quarta edição com mais lojas participantes e novas categorias de produtos.

Com explicações detalhadas, a cartilha destaca, entre diversos tópicos, a importância da prestação de um bom atendimento, a organização da vitrine e a estratégia para precificar produtos e promover vendas tanto na loja física como no e-commerce, apenas usando e abusando da criatividade.

“Planejar a participação no Black Friday é fundamental. Aproveite a mídia espontânea do evento e estabeleça o mix de produtos que serão ofertados, definindo a faixa de descontos que será oferecida para cada categoria. Este é um momento importante para manter e conquistar novos clientes”, afirma o diretor-superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano.

Ação agregadora de ofertas que funciona como uma espécie de termômetro para as vendas de final de ano, o Black Friday está em franco crescimento no Brasil. Na edição 2012, somente no comércio eletrônico, a iniciativa foi responsável por movimentar R$ 217 milhões, segundo a empresa de cupons de descontos Busca Descontos, realizadora da ação virtual da campanha.

Os com consumidores da região Sudeste responderam pela maior parte dos acessos (71,5%), seguidos pela região Sul (11,2%), Nordeste 9,9%, Centro-Oeste (5,2%) e Norte (2,1%).

Serviço:

Para acessar a cartilha é preciso ser cadastrado no Sebrae. Basta o empreendedor inserir  o CNPJ no endereço http://sebr.ae/sp/vm_bf

 

 

2 comentários

  1. Kauê disse:

    Ótimas dicas, acho importantíssimo saber dessas coisas antes de se engajar em uma campanha deste porte e com esta responsabilidade. Muitas empresas não sabem como proceder e acabam lesando o seu consumidor. Parabéns pelo blog, pessoal. Muito sucesso pra vocês, um abraço!

Deixe seu comentário