21 dez 2012

2013: Planejar é preciso

Por: Alexandre Caraccio, professor de marketing e planejamento estratégico da ESAGS

Chegou o fim do ano e não tem época melhor do que essa para fazer um balanço e estipular as metas para 2013. E como planejar estrategicamente a vida pessoal e profissional no próximo ano?

Falo aos meus alunos que o Planejamento Estratégico é uma das áreas de conhecimento mais interessantes pela sua conexão direta com nosso cotidiano. Não se trata de algo distante, etéreo, confinado ao mundo das empresas, onde muitas vezes pensamos “puxa, mas quem faz o planejamento estratégico da minha empresa é só presidente e alguns diretores”.

Mesmo que esse seja o caso, e ainda assim é sim vital entender disso, é muito útil ter boas noções do planejamento e suas ferramentas, pois podemos usá-las nas nossas vidas. Com 16 anos de experiência profissional, descobri que ninguém está a não ser você e poucas pessoas (que se conta nos dedos de uma mão) estão interessados com sua carreira. Simples assim.

Um exemplo disso é a análise SWOT (primeira etapa no planejamento) ou FOFA (forças, oportunidades, fraquezas e ameaças). Como um ex-professor me disse, para ser boa, a SWOT deve ser entregue a uma criança de 8 anos e ele sair executando a estratégia!

Precisamos nesse planejamento fazer um bom diagnóstico de nossa situação atual, nossas forças e fraquezas, de forma muito franca e imparcial. Mas não podemos fazer um plano apenas olhando para dentro. Devemos também analisar o chamado ambiente externo, avaliando desde como a sociedade está se comportando e para onde ela está indo, contemplando até o mercado onde atuamos ou podemos atuar. Precisamos olhar para mundo e para a esquina da nossa casa. É na junção dessas coisas, no olhar para dentro e para fora, que as empresas, e nós também, desenvolvemos nossos planos.

Chegou 2013. De forma mais simplificada, mas não simplista, uma boa dica é pensar em “ser, ter e fazer”. O que eu quero ser, o que eu quero ter e o que eu quero fazer em 2013. Coloque literalmente no papel suas metas, com prazos e indicadores de sucesso os mais específicos possíveis. Quer emagrecer? Quantos kilos? Até junho você quer pesar quanto? Daí, é desenvolver os planos táticos (iniciar reeducação alimentar, correr na praia todo dia) e avaliar o desempenho ao longo do tempo. Simples? Nem tanto, pois sabemos que muitas empresas, e pessoas, têm um bom plano, mas a execução….

Um feliz 2013 a todos!

Deixe seu comentário